quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Estrada cheia de vazio

 
  Estamos sempre idealizando o futuro. Desde a infância!
  Aprendemos que devemos estudar para que no futuro tenhamos um bom emprego, que precisamos de um bom emprego pra ganhar dinheiro e viver com conforto, que devemos viver com conforto pra constituir uma família, e então devemos trabalhar ainda mais para dar qualidade de vida aos filhos. E uma boa educação é claro! Afinal ele precisará de uma boa escola, para no futuro ter um bom emprego, ganhando assim um bom salário e ocupado demais em sua busca por ser “bem sucedido”, talvez ele nunca perceba que a vida era exatamente aquilo que acontecia enquanto ele estava planejando o futuro.
 O homem é mesmo um bicho engraçado! Passa tanto tempo buscando ser algo que ainda não é, que quando assusta a vida passou e ele não foi nada, nem sequer foi ele mesmo!

6 comentários:

  1. Confesso que estou predestinado a ausência lá no meu blog e nos demais tbm, mas, com a sua presença por lá, me deu uma gigantesca vontade de escrever e compartilhar meus momentos, coisa engraçada... né..rsrs
    E assombrosamente vim cair aqui novamente, e sobrevivi para ser testemunha da sua vivência digitada neste blog... Penso eu que está aqui me trouxe lembranças remotas de mim mesmo, e dessa forma, deixo aqui um abraço e muito obrigado pela sua visita no Eternus!

    ResponderExcluir
  2. Nascemos para participar de um sistema do qual não sabemos a real finalidade. Um enigma.

    Como já foi dito pela Esfinge, há milênios atrás:

    Decifra-me ou te devoro!


    Se não decifrarmos o enigma do sistema, viraremos carne moída!


    ResponderExcluir
  3. Ao passar pela net encontrei seu blog, estive a ver e ler alguma postagens
    é um bom blog, daqueles que gostamos de visitar, e ficar mais um pouco.
    Eu também tenho um blog, Peregrino E servo, se desejar fazer uma visita
    Ficarei radiante se desejar fazer parte dos meus amigos virtuais, saiba que sempre retribuo seguido também o seu blog. Deixo os meus cumprimentos e saudações.
    Sou António Batalha.

    ResponderExcluir
  4. Yasmin, para algumas pessoas esse eterno buscar é a vida que elas desejam ter. Há pessoas que estudarão uma vida inteira e farão isso com amor, por que é o que elas gostam de fazer no fim das contas.

    ResponderExcluir